quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Memórias - Capítulo 1


Entre as grades e grades. Entre um mofo constante e um frio forte. Entre os homens que brigam e o mal cheiro de tudo.
Entre a solidão, a tristeza, a mágoa.
Entre o crime...a prisão!!!
Lá vem...vem lá!
Ouço o barulho das chaves. Quantas chaves o carcereiro traz.
Chove muito. Dia triste. De uma tristeza ímpar.
Deve ser hora do almoço. Ninguém aqui tem relógio. Ninguém aqui tem nada.
São muitos homens, de calça bege e camisa branca.
Ali no pátio tem comércio.
Comércio de drogas...troca-se coisas...cigarro aqui é dinheiro.
Como vale um maço de cigarros aqui. Papel higiênico / sabonete / coisas básicas que lá em casa eu nunca dei valor...aqui custa caro.
Custa caro...ser preso...custa caro para sociedade...para o Estado...eu como preso, ouvi dizer que custo entre R$ 1500,00 e 1800,00 por mês. Lá fora, eu nunca tive um salário desses, aqui eu custo caro e me bancam. Bancam minha comida (às vezes...chega azeda...muitas vezes...mas, todo dia tem, bancam minha estadia aqui dentre essas grades). Custa caro ser preso!
Todo dia é guerra. Já tive muitos apelidos, fui cigano, mano, doutor, truta, fui de tudo um pouco. Ja me envolvi até as tampas. Envolvo-me aqui dentro e saio para rua enrolado. Envolvo-me la na rua com tretas erradas e volto para cá, atolado de B.O.
Essa é minha vida... Entrei na prisão aos 18 anos...tráfico de drogas! Mas, tava envolvido desde os 11 anos... fui usuário de drogas, droga pesada amigo...droga pesada...Cheguei no fundo do poço, mas, era menor de idade e sempre me safava, meu pai sempre me socorria, mas, os homens "tavam de olho" e quando completei 18...18 aninhos...fui pego! fui preso! Vivi lá por três anos...Sobrevivi...cumpri a pena... Sai de lá...tatuado...faccionado...envolvido...ferrado!!!
Deixei de ser réu primário...agora eu tinha um outro apelido: Ex presidiário... Voltei para casa de meus pais...vozes amorosas...carinhosas...tentavam mudar meu destino...eles mal sabiam...que saí pior do que entrei...tinha dívidas...tinha inimigos...tinha que cumprir umas "fitas erradas" e foi assim...2 meses em casa...e pego de novo...roubo de carro...mas, quatro anos... Quatro anos na cadeia..outra cadeia..outros manos...outra guerra...Às vezes, um parente meu ia me ver...às vezes mandavam uma carta...um sedex...Agora, eu sou reincidente e minha família, também tem certo preconceito comigo...Sobrevivi a guerra pela segunda vez...Apanhei...bati...me impus... saí pior do que entrei...
Casei...tive filhas...sosseguei em casa por um ano e meio...pego de novo!!! venda de carro roubado...mas, três anos... saí e depois de um mês fui fazer um assalto com uma turma de amigos, (é melhor pensar assim) éramos três na fita...só eu fui pego...só eu!!!
Mas, um ano e meio...
Ouço o barulho das chaves...lá vem!!!
Vem lá...o carcereiro...
Chega na minha cela e grita:
- 241066 ...ATENÇÃO!!!241066...
241066, Sou eu... aqui ou sou os apelidos...ou sou número...aqui não sou gente não!!!sou bicho...traficante...bandido...vagabundo e ladrão...
-241066 liberdade!!!
-Veja o que vai querer levar , tem 5 minutos para sair daí... Olhei para aquilo...aquilo tudo...
NADA!!! NADA!!! deixei tudo que tinha para uns manos lá...em troca de uma peita ( blusa )colorida e uma berma (bermuda), sei lá ...mas, eles tinham umas roupas de cores diferentes...tinham celulares, drogas, enfim ,como entra...sei não, mas, entra.
- Falou gente...Fiquem com Deus...a gente fala por educação...Mas, a presença ali é do diabo...é do mal...Deus tá longe dali..."Deus tá susse"...
O carcereiro pediu para eu ir até uma salinha...assinei uns papéis e disse-me:
- tchau cara!!! Sorte ai...e se não volta mais para cá...
Saí de lá...olhei a liberdade...a rua...olhei para mim...
241066....cigano...mano...truta...doutor...
Que identidade usar?

4 comentários:

Jéssica Balbino disse...

Muito bom !
Se puder, dá uma passada no meu: http://jessicabalbino.blogspot.com e comenta, me ajudando a divulgar o descaso da saúde na minha cidade, quando fui obrigada a chamar a PM para ser atendida num posto, com o pé fraturado !
bjo e paz !

Adriana Karnal disse...

vim segundo a indicação do Daniel...legal o texto.

Marinês disse...

Eu passei lá Jessica..que vergonha a saude do nosso país....

O bom disso tudo...é que tudo vira escrita.....

bju

Marinês disse...

Que honra Adriana..achei uma honra ser indicada por aquele selo do Daniel...vou te contar um segredinho (não conta para ninguém, ok?)...eu li umas mil vezes aquela indicação.........e fiquei tao feliz.....a cada lida.........rssssssssss

Volte sempre .......sempre mesmooo!!!
bju